Viagens a Nepal: Índia e Nepal Express

PESQUISE

a sua viagem

Índia e Nepal Express

  • Partilhar

HISTÓRIA, CULTURA, ESPIRITUALIDADE
À descoberta do famoso «Hindustão» (mais precisamente o Norte da Índia e o Nepal). Região onde se falam mais de 20 línguas, com vales verdes e húmidos ao extremo, selvas, rio imensos, planícies secas e desertos de perder de vista. Sem contar as religiões principais: Hinduísmo, Budismo, Jainismo, Sikhismo, Islamismo e outras. Combina-se tudo isto com cidades abarrotadas de gente e uma diversidade de formas e cores que confundem e encantam a cabeça de qualquer viajante ocidental.


Resumo:

OPÇÃO: I
Inclui noite em comboio entre: Agra > Varanasi

Dia 01: Portugal / Cidade de Escala / Nova Delhi (chegada)
Dia 02: Delhi
Dia 03: Delhi / Jaipur (256 KM)
Dia 04: Jaipur / Forte de Amber / Jaipur
Dia 05: Jaipur / Fatehpur Sikri / Agra (236KM)
Dia 06: Agra / Varanasi (Benarés)
Dia 07: Varanasi (Benarés)
Dia 08: Varanasi (Benarés)
Dia 09: Varanasi (Benarés) / Kathmandu
Dia 10: Kathmandu / Swaymbunath / Patan / Kathmandu
Dia 11: Kathmandu / Bodhnath / Pashupatinath / Kathmandu
Dia 12: Kathmandu / Nova Delhi / Cidade de Escala
Dia 13: Cidade de Escala / Portugal

OPÇÃO: II
Dia 01: Portugal / Cidade de Escala / Nova Delhi
Dia 02: Delhi
Dia 03: Delhi / Jaipur (256 KM)
Dia 04: Jaipur / Forte de Amber / Jaipur
Dia 05: Jaipur / Fatehpur Sikri / Agra (236KM)
Dia 06: Agra / Jhansi / Orcha / Khajuraho
Dia 07: Khajuraho / Varanasi
Dia 08: Varanasi / Kathmandu
Dia 09: Kathmandu / Swaymbunath / Patan / Kathmandu
Dia 10: Kathmandu / Bodhnath / Pashupatinath / Kathmandu
Dia 11: Kathmandu / Nova Delhi / Cidade de Escala
Dia 12: Cidade de Escala / Portugal


Informações Importantes
Última atualização: 2016-11-18
  • O Ministério dos Negócios Estrangeiros da Índia restringiu o "Visto Electrónico" para Uma Entrada apenas, deixando de ser possível obter Visto Electrónico de Múltiplas entradas.
  • O Ministério Indiano do Turismo lançou recentemente uma LINHA MULTILINGUE 24X7 DE APOIO AO TURISTA Grátis, em PORTUGUÊS: 1800111363.
  • A 8 de Novembro de 2016, o Primeiro Ministro decidiu retirar de circulação as notas de 500 e 1000 rupias. Recomenda-se aos viajantes que queiram comprar rupias em Portugal, em casas de câmbio e bancos, que não aceitem notas de 500 e 1000 rupias, pois até nova informação oficial essas notas não serão aceites em casas de comércio, hotéis, restaurantes, e nas restantes transacções comerciais na Índia. Recomenda-se também que os viajantes levem outros meios alternativos de pagamento, tais como cartões de crédito e outras divisas estrangeiras como o Euro e o dólar Americano.


Inclui:

  • Passagem aérea em classe económica;
  • Taxas aéreas sujeitas a alterações até à data de emissão;
  • Passagem aérea em classe turística para os voos domésticos;
  • Transferes e visitas/excursões em veículo com A/C (autocarro ou minivan, de acordo com o n.º de participantes);
  • OPÇÃO I: 10 noites de alojamento nos hotéis indicados (ou similares), conforme categoria seleccionada, em regime de Meia Pensão + 01 noite em comboio nocturno entre Agra e Varanasi em cabine standard de 2 beliches;
  • OPÇÃO II: 10 noites de alojamento nos hotéis indicados (ou similares), conforme categoria seleccionada, em regime de Meia Pensão e Bilhete de comboio diurno Agra-Jhansi em compartimento com a/c no Shatabdi Express;
  • Guia local em idioma espanhol ou inglês durante as visitas e transferes;
  • Passeio de elefante em Jaipur;
  • Passeio de bici-rikxa em Delhi;
  • Passeio de barco ao Rio Ganges em Varanasi;
  • Entradas nos monumentos a visitar indicados no itinerário;
  • Impostos locais;
  • Seguro Standard de Viagens.


  • Não inclui:

  • Visto de entrada na Índia (visto de múltiplas entradas) a tratar online (indianvisaonline.gov.in/evisa/tvoa.html) e VIsto de entrada no Nepal;
  • Taxa de saída do Nepal 11USD por pessoa (a pagar à saída do destino no aeroporto de Katmandu);
  • Gastos e extras pessoais como gratificações a guias, motoristas, bagageiros e camareiros, bebidas, lavandaria, chamadas telefónicas, entradas com máquinas fotográficas/cameras, etc (pagas no destino);
  • Suplementos não especificados;
  • Qualquer outro serviço não especificado como incluído;
  • Despesas de reserva: 15 €.


  • INFORMAÇÕES IMPORTANTES:

    Notas:
    1. Os programas operados em serviço regular, ou seja, viagens com saídas diárias, semanais, ou datas programadas, em que os serviços (transferes, visitas, guias, ...) são partilhados com outros clientes de diferentes nacionalidades, podem incluir, para além das visitas descritas nos programas detalhados, paragens técnicas, incluindo locais como centros de artesanato e lojas de produtos típicos locais, entre outros, não afectando o conteúdo do programa e assegurando integralmente as visitas planeadas no itinerário.
    2. A Jade Travel reserva-se ao direito de efectuar as alterações apropriadas ao itinerário, incluindo alterar a ordem do itinerário se assim achar necessário por qualquer motivo operacional justificado.
    3. A descrição de itinerário apresentada é genérica e está sujeita a alterações sem afectar o conteúdo do programa. O mesmo, poderá variar consoante o dia de saída e consoante os voos reservados.
    4. Os hotéis previstos para a reserva poderão ser substituídos por outros de categoria igual ou superior.

    OPÇÃO: I - Inclui noite em comboio entre: Agra > Varanasi


    1Dia 01: Portugal / Cidade de Escala / Nova Delhi


    Comparência no aeroporto com 02h00 de antecedência ao voo de partida. Formalidades de check-in e embarque em voo regular, com escala, com destino a Nova Delhi. Chegada, assistência e transfer ao hotel.

    DELHI: A moderna capital da Índia é também uma antiquíssima cidade cujas origens se confundem com lendas. Centenas de monumentos a adornam com a sua milenária história. Foi desta cidade que numerosas dinastias Hindus e Muçulmanas, incluindo Mongóis, governaram a Índia. Não foram menos de 7 as cidades sucessivas que aqui existiram antes da chegada dos britânicos que criariam, pela mão do Sir Edwin Lutyens, a sua capital de sonho.

    2Dia 02: Delhi


    Pequeno-almoço no hotel. As visitas deste dia começam com uma paragem para fotografias no Forte Vermelho. Ali perto encontra-se Chandni Chowk, em tempos avenida imperial que Shah Jahan gostava de percorrer a cavalo. Dalí prosseguiremos com com um passeio em bici-ricxa passando pelas ruelas da Velha Deli e que nos deixará à porta de Jama Masyid, a maior mesquita da Índia, construída em 1656 pelo imperador Shah Jahan sobre uma elevação natural. De seguida, visita ao túmulo de Gandhi e, logo depois visita panorâmica pela zona de Nova Delhi onde poderemos contemplar a Porta da Índia, o Palácio Presidencial e o Parlamento. Logo depois, visita a um templo da religião Sikh onde nos sentaremos a ouvir a oração e a observar os visitantes. Pela tarde, uma visita à Nova Delhi permitir-nos-á conhecer o Minarete Qutab Minar (sec. XII), com 72 metros de altura, graciosamente esculpido à mão. Nas proximidades encontra-se a Coluna de Ferro que depois de 1500 de história tem assistido impassível aos infortúnios de tempo. Regresso ao hotel. Jantar e alojamento no hotel.

    3Dia 03: Delhi / Jaipur (256 KM)


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, saída por estrada com destino a Jaipur. Chegada a Jaipur, a «Cidade Rosa» do Rajastão. Pela tarde, visita panorâmica com uma paragem para fotografias no Albert Hall, palácio construído para alojar o príncipe Albert de Inglaterra durante a sua visita a Jaipur. De seguida, visita ao Templo Birla de religião hindu. Entradas não incluídas. Regresso ao hotel, jantar e alojamento.

    JAIPUR: A cidade rosa do Rajastão. Jaipur é quiçá umas das cidades mais pitorescas do mundo. Foi construída segundo os cânones do Shilpa Shastra, o antigo tratado Hindu de arquitectura. Dividida em sete sectores
    rectangulares, com ruas bem traçadas e ângulos rectos, a sua planificação é uma maravilha do século XVIII, quando nem sequer nos E.U.A. existia uma sistematização similar. Rodeada de abruptas colinas nos seus 3 pontos cardeais, a cidade está custodiada por um poderoso muro fortificado, com sete portas.


    4Dia 04: Jaipur / Forte de Amber / Jaipur


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, partida para visita ao Forte de Amber, a antiga capital do estado até 1728. Uma experiência única: subida em elefante(1)* até ao cimo da colina onde se ergue o forte. Pela tarde, visita panorâmica a Jaipur (que recebeu o nome do Marajá Jai Singh, príncipe e astrónomo, que desenhou e fundou a cidade em 1727). Visita ao observatório astronómico que o próprio monarca construiu, dotado de instrumentos desenhados pelo próprio, de tamanho considerável e cuja precisão é difícil de igualar até mesmo nos dias de hoje. De seguida, visita ao Palácio do Marajá, antiga residência real e, hoje em dia, museu de manuscritos, pinturas de Rajput e Mongol e armas. Prosseguiremos com uma visita panorâmica de carro através das zonas residenciais e de negócios da «Cidade Rosa», passando em frente ao Hawa Mahal (Palácio dos Ventos) um dos monumentos mais conhecidos de Jaipur. Jantar e alojamento.

    Nota(1)* - Condições Passeio de Elefante em Jaipur:
    O passeio de elefante em Jaipur não se encontra disponível durante os festejos Navratra. O Departamento de Arqueologia limitou o uso de Elefantes para as subidas ao Forte de Amber. O número limitado de subidas foi alterado de acordo com a regulamentação do horário de verão. De acordo com o mesmo, o uso de Elefantes estará disponível entre as 07h00 / 10h00 e 15h30 / 17h00.
    Desta forma os passageiros têm que sair cedo do hotel, e esperar na fila para conseguir o mesmo. Tendo em conta o grande número de visitantes não há elefantes com licença em número suficiente, logo os clientes podem vir a ter que ser transportados até ao forte de jipe como alternativa.

    5Dia 05: Jaipur / Fatehpur Sikri / Agra (236KM)


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, saída até Agra, visitando Abhaneri e Fatehpur Sikri pelo caminho. Chegada a Agra, cidade que alternava com Delhi a capitalidade do Império Mongol. Pela tarde, visita ao orfanato da Madre Teresa de Calcutá e ao túmulo de Itmad-ud-Daula. Jantar e alojamento no hotel.

    ABHANERI: Aqui poderão observar «Ghand Baori», um poço situado perto de Jaipur em frente ao Templo Harshat Mata, um dos mais profundos da Índia tendo sido construído no século IX, com 3300 escadas, 23 níveis e 30 metros de profundidade. Reconstruido no século X, este foi a solução para os problemas de abastecimento de água nesta região.

    FATEHPUR SIKRI: A pouco mais de 40 km de Agra encontra-se a cidade abandonada de Fatehpur Sikri, construída pelo Imperador Akbar em 1569 e abandonada pela sua incapacidade de provisão de água. Os edifícios da cidade estão notoriamente conservados, nomeadamente a mesquita Jama Masjid, o Túmulo de Salim Chisti, o Panch Mahal, entre outros lugares.

    6Dia 06: Agra / Varanasi (Benarés)


    Pequeno-almoço no hotel. Visita a um dos monumentos mais importantes do mundo, o Taj Mahal (2)*, um canto de amor construído pelo Imperador Shah Jahan em 1630 para servir como mausoléu de sua rainha, Mumtaj Mahal. Esta maravilha arquitectónica é uma obra-prima inteiramente erguida em mármore branco. Artesãos vindos da Pérsia, do Império Otomano, de França e Itália, ajudados por 20.000 trabalhadores, terminaram esta obra em 17 anos, cuja perfeição arquitectónica deslumbra quem o visita. De seguida, visitaremos o Forte de Agra nas margens do rio Yamuna em pleno centro da cidade. Este reflecte a arquitectura da Índia sob três imperadores Mongóis: Akbar, Jehangir e Shah Jahan. Dentro do complexo encontram-se algumas estruturas interessantes, como o Jehangiri Mahal, o Anguri Bagh, o Khas Mahal e a mesquita Moti Masjid. No final da visita, transfer à estação ferroviária para embarque em comboio com destino a Varanasi. Noite a bordo.

    Nota(2)*: O Taj Mahal encerra às sextas-feiras. Caso o dia de visita coincida com o dia de encerramento, o programa será ajustado de forma a que a visita seja realizada noutro dia.

    7Dia 07: Varanasi (Benarés)


    Chegada a Varanasi e transfer ao hotel. Pequeno-almoço no hotel e manhã livre para actividades de carácter pessoal. Pela tarde, visita ao Templo Bharat Mata com o seu grande relevo da Índia em mármore. De seguida,
    visita ao Rio Ganges para ver as cerimónias da tarde «Aarti». Jantar e alojamento.

    8Dia 08: Varanasi (Benarés)


    De madrugada, passeio de barco pelo sagrado Rio Ganges para ver os «Ghats», ou banhos rituais, e os locais de cremação. Contemplar os crentes a banharem-se e adorarem o rio nos Ghats é uma das experiências mais extraordinárias que um viajante pode desfrutar na Índia. Milhões de peregrinos vão ali para se purificar nas águas do rio, assistir a antigos rituais, consultar astrólogos e expulsar o karma negativo. Passeio pelas ruelas da zona antiga para observar em profundidade a importância da religião Hindu na vida quotidiana das gentes locais. Passagem pela Universidade Hindú Benarés. Regresso ao hotel e pequeno-almoço. Pela tarde excursão a Sarnath, onde Buda deu o seu primeiro sermão. Jantar e alojamento no hotel.

    19Dia 09: Varanasi (Benarés) / Kathmandu


    Pequeno-almoço no hotel. À hora prevista, transfer até ao aeroporto para embarque em voo com destino a Kathmandu (possibilidade de efectuar escala). Chegada e transfer ao hotel. Jantar e alojamento.

    10Dia 10: Kathmandu / Swaymbunath / Patan / Kathmandu


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, visita panorâmica da cidade para ver a Praça Durbar, o antigo bairro residencial real com mais de 50 templos importantes, o Palácio Rana - conhecido por Singha Durbar, o Hanuman Dhoka, a imponente porta de acesso ao Palácio Real com a sua estátua do «Deus Macaco». Prosseguiremos com um passeio de carro pela rua «friki» - onde em tempos os hippies relaxavam - para visitar a Casa Templo da Kumari, a Deusa-Menina, uma Deusa viva. A manhã termina na grande estupa de Swayambunath, com os olhos de Buda pintados nas quatro faces. A sua localização sagrada, sobre uma colina, foi decidida há 2500 anos, muito antes do aparecimento do Budismo no Nepal. Pela tarde, visita a Patan, percorrendo a cidade velha: Newar, a Porta de Ouro, o Templo de Teleju e a estátua de Yogendra Malla. Jantar e alojamento.

    11Dia 11: Kathmandu / Bodhnath / Pashupatinath / Kathmandu


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, visita a Bodhnath, uma das maiores estupas do mundo. Visita aos Templos de Pashupatinah, um dos mais importantes da religião Hindu, dedicado ao Deus Shiva, onde é possível ver a cremação de cadáveres nas margens do rio Bagmati. Jantar e alojamento no hotel.

    12Dia 12: Kathmandu / Nova Delhi / Cidade de Escala


    Pequeno-almoço no hotel. Em horário a informar localmente, transfer até ao aeroporto. Formalidades de check-in e embarque em voo com destino a Delhi. Chegada, novo check-in e embarque em voo regular de regresso a Portugal. Voo com escala. Noite a bordo.

    13Dia 13: Cidade de Escala / Portugal


    Chegada a Portugal e fim de viagem.

    OPÇÃO II


    1Dia 01: Portugal / Cidade de Escala / Nova Delhi


    Comparência no aeroporto com 02h00 de antecedência ao voo de partida. Formalidades de check-in e embarque em voo regular, com escala, com destino a Nova Delhi. Chegada, assistência e transfer ao hotel.

    DELHI: A moderna capital da Índia é também uma antiquíssima cidade cujas origens se confundem com lendas. Centenas de monumentos a adornam com a sua milenária história. Foi desta cidade que numerosas dinastias Hindus e Muçulmanas, incluindo Mongóis, governaram a Índia. Não foram menos de 7 as cidades sucessivas que aqui existiram antes da chegada dos britânicos que criariam, pela mão do Sir Edwin Lutyens, a sua capital de sonho.

    2Dia 02: Delhi


    Pequeno-almoço no hotel. As visitas deste dia começam com uma paragem para fotografias no Forte Vermelho. Ali perto encontra-se Chandni Chowk, em tempos avenida imperial que Shah Jahan gostava de percorrer a cavalo. Dalí prosseguiremos com com um passeio em bici-ricxa passando pelas ruelas da Velha Deli e que nos deixará à porta de Jama Masyid, a maior mesquita da Índia, construída em 1656 pelo imperador Shah Jahan sobre uma elevação natural. De seguida, visita ao túmulo de Gandhi e, logo depois visita panorâmica pela zona de Nova Delhi onde poderemos contemplar a Porta da Índia, o Palácio Presidencial e o Parlamento. Logo depois, visita a um templo da religião Sikh onde nos sentaremos a ouvir a oração e a observar os visitantes. Pela tarde, uma visita à Nova Delhi permitir-nos-á conhecer o Minarete Qutab Minar (sec. XII), com 72 metros de altura, graciosamente esculpido à mão. Nas proximidades encontra-se a Coluna de Ferro que depois de 1500 de história tem assistido impassível aos infortúnios de tempo. Regresso ao hotel. Jantar e alojamento no hotel.

    3Dia 03: Delhi / Jaipur (256 KM)


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, saída por estrada com destino a Jaipur. Chegada a Jaipur, a «Cidade Rosa» do Rajastão. Pela tarde, visita panorâmica com uma paragem para fotografias no Albert Hall, palácio construído para alojar o príncipe Albert de Inglaterra durante a sua visita a Jaipur. De seguida, visita ao Templo Birla de religião hindu. Entradas não incluídas. Regresso ao hotel, jantar e alojamento.

    JAIPUR: A cidade rosa do Rajastão. Jaipur é quiçá umas das cidades mais pitorescas do mundo. Foi construída segundo os cânones do Shilpa Shastra, o antigo tratado Hindu de arquitectura. Dividida em sete sectores rectangulares, com ruas bem traçadas e ângulos rectos, a sua planificação é uma maravilha do século XVIII, quando nem sequer nos E.U.A. existia uma sistematização similar. Rodeada de abruptas colinas nos seus 3 pontos cardeais, a cidade está custodiada por um poderoso muro fortificado, com sete portas.

    4Dia 04: Jaipur / Forte de Amber / Jaipur


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, partida para visita ao Forte de Amber, a antiga capital do estado até 1728. Uma experiência única: subida em elefante (1)* até ao cimo da colina onde se ergue o forte. Pela tarde, visita panorâmica a Jaipur (que recebeu o nome do Marajá Jai Singh, príncipe e astrónomo, que desenhou e fundou a cidade em 1727). Visita ao observatório astronómico que o próprio monarca construiu, dotado de instrumentos desenhados pelo próprio, de tamanho considerável e cuja precisão é difícil de igualar até mesmo nos dias de hoje. De seguida, visita ao Palácio do Marajá, antiga residência real e, hoje em dia, museu de manuscritos, pinturas de Rajput e Mongol e armas. Prosseguiremos com uma visita panorâmica de carro através das zonas residenciais e de negócios da «Cidade Rosa», passando em frente ao Hawa Mahal (Palácio dos Ventos) um dos monumentos mais conhecidos de Jaipur. Jantar e alojamento.

    Nota(1)* - Condições Passeio de Elefante em Jaipur:
    O passeio de elefante em Jaipur não se encontra disponível durante os festejos Navratra. O Departamento de Arqueologia limitou o uso de Elefantes para as subidas ao Forte de Amber. O número limitado de subidas foi alterado de acordo com a regulamentação do horário de verão. De acordo com o mesmo, o uso de Elefantes estará disponível entre as 07h00 / 10h00 e 15h30 / 17h00.
    Desta forma os passageiros têm que sair cedo do hotel, e esperar na fila para conseguir o mesmo. Tendo em conta o grande número de visitantes não há elefantes com licença em número suficiente, logo os clientes podem vir a ter que ser transportados até ao forte de jipe como alternativa.

    5Dia 05: Jaipur / Fatehpur Sikri / Agra (236KM)


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, saída até Agra, visitando Fatehpur Sikri pelo caminho.

    FATEHPUR SIKRI: A pouco mais de 40 km de Agra encontra-se a cidade abandonada de Fatehpur Sikri, construída pelo Imperador Akbar em 1569 e abandonada pela sua incapacidade de provisão de água. Os edifícios da cidade estão notoriamente conservados, nomeadamente a mesquita Jama Masjid, o Túmulo de Salim Chisti, o Panch Mahal, entre outros lugares.

    Chegada a Agra - cidade que alternava com Delhi a capitalidade do Império Mongol - e check-in no hotel. Pela tarde, visita a um dos monumentos mais importantes do mundo, o Taj Mahal (2)*, um canto de amor construído pelo Imperador Shah Jahan em 1630 para servir como mausoléu de sua rainha, Mumtaj Mahal. Esta maravilha arquitectónica é uma obra-prima inteiramente erguida em mármore branco. Artesãos vindos da Pérsia, do Império Otomano, de França e Itália, ajudados por 20.000 trabalhadores, terminaram esta obra em 17 anos, cuja perfeição arquitectónica deslumbra quem o visita. De seguida, visitaremos o Forte de Agra nas margens do rio Yamuna em pleno centro da cidade. Este reflecte a arquitectura da Índia sob três imperadores Mongóis: Akbar, Jehangir e Shah Jahan. Dentro do complexo encontram-se algumas estruturas interessantes, como o Jehangiri Mahal, o Anguri Bagh, o Khas Mahal e a mesquita Moti Masjid. Jantar e alojamento no hotel.

    Nota(2)*: O Taj Mahal encerra às sextas-feiras. Caso o dia de visita coincida com o dia de encerramento, o programa será ajustado de forma a que a visita seja realizada noutro dia

    6Dia 06: Agra / Jhansi / Orcha / Khajuraho


    Pequeno-almoço no hotel. Transfer pela manhã até à estação ferroviária para apanhar o comboio Shatabdi Express para chegar a Jhansi. À chegada, transfer rodoviário para Orcha (16 km).

    ORCHA: A magnificência de Orcha foi capturada pela pedra e congelada no tempo, um legado rico em arte e esplendor. Nesta cidade medieval - fundada no século XVI - a mão do tempo tocou suavemente palácios e templos construídos pela dinastia Bundela do século XVI ao XVII.

    Continuação por estrada até Khajuraho. Chegada a Khajuraho. Jantar e alojamento no hotel.

    7Dia 07: Khajuraho / Varanasi


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã visita aos mundialmente famosos Templos de Khajuraho, construídos pelos Reis Chandela entre 950 e 1050 dC. O mais importante é o Templo Chaunseth Yogini, dedicado à Deusa
    Kali. Igualmente importantes são os Templos Mahadev, Templo Chitragupta e o Templo Bharatji com sua
    delicada imagem de Vishnu de 11 cabeças, os templos Vishvanath e Nandi, Templo Lakshmana e Templo de Visha dedicado a Shiva. Em horário a informar localmente, transfer até ao aeroporto para embarque em voo com destino a Varanasi-Benarés. Chegada e transfer ao hotel. Pela tarde visita ao Templo Bharat Mata com o seu grande relevo da Índia em mármore, em seguida, visita ao rio Ganges para assistir a cerimónia da tarde "Aarti". Jantar e alojamento no hotel.

    8Dia 08: Varanasi / Kathmandu


    De madrugada, passeio de barco pelo sagrado Rio Ganges para ver os «Ghats», ou banhos rituais, e os locais de cremação. Contemplar os crentes a banharem-se e adorarem o rio nos Ghats é uma das experiências mais extraordinárias que um viajante pode desfrutar na Índia. Milhões de peregrinos vão ali para se purificar nas águas do rio, assistir a antigos rituais, consultar astrólogos e expulsar o karma negativo. Passeio pelas ruelas da zona antiga para observar em profundidade a importância da religião Hindu na vida quotidiana das gentes locais. Regresso ao hotel e pequeno-almoço. À hora prevista, transfer até ao aeroporto para embarque em voo com destino a Kathmandu (possibilidade de efectuar escala). Chegada e transfer ao hotel. Jantar e alojamento.

    9Dia 09: Kathmandu / Swaymbunath / Patan / Kathmandu


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, visita panorâmica da cidade para ver a Praça Durbar, o antigo bairro residencial real com mais de 50 templos importantes, o Palácio Rana - conhecido por Singha Durbar, o Hanuman Dhoka, a imponente porta de acesso ao Palácio Real com a sua estátua do «Deus Macaco». Prosseguiremos com um passeio de carro pela rua «friki» - onde em tempos os hippies relaxavam - para visitar a Casa Templo da Kumari, a Deusa-Menina, uma Deusa viva. A manhã termina na grande estupa de Swayambunath, com os olhos de Buda pintados nas quatro faces. A sua localização sagrada, sobre uma colina, foi decidida há 2500 anos muito antes do aparecimento do Budismo no Nepal. Pela tarde, visita a Patan, percorrendo a cidade velha: Newar, a Porta de Ouro, o Templo de Teleju e a estátua de Yogendra Malla. Jantar e alojamento.

    10Dia 10: Kathmandu / Bodhnath / Pashupatinath / Kathmandu


    Pequeno-almoço no hotel. Pela manhã, visita a Bodhnath, uma das maiores estupas do mundo. Visita aos Templos de Pashupatinah, um dos mais importantes da religião Hindu, dedicado ao Deus Shiva, onde é possível ver a cremação de cadáveres nas margens do rio Bagmati. Jantar e alojamento no hotel.

    11Dia 11: Kathmandu / Nova Delhi / Cidade de Escala


    Pequeno-almoço no hotel. Em horário a informar localmente, transfer até ao aeroporto. Formalidades de check-in e embarque em voo com destino a Delhi. Chegada, novo check-in e embarque em voo regular de regresso a Portugal. Voo com escala. Noite a bordo.

    12Dia 12: Cidade de Escala / Portugal


    Chegada a Portugal e fim de viagem.


    Nota:
  • Os programas operados em serviço regular, ou seja, viagens com saídas diárias, semanais, ou datas programadas, em que os serviços (transferes, visitas, guias, ...) são partilhados com outros clientes de diferentes nacionalidades, podem incluir, para além das visitas descritas nos programas detalhados, paragens técnicas, incluindo locais como centros de artesanato e lojas de produtos típicos locais, entre outros, não afectando o conteúdo do programa e assegurando integralmente as visitas planeadas no itinerário.
  • Ofertas e informaçoes em formato pdf


    Viagens Desde PDF

    Índia e Nepal Express

    OPÇÃO 1 > Viagens Até 31 Março 2019 > Saídas às 3ª.s e 6ª.s Feiras de Lisboa e Porto > 13 Dias / 11 Noites > Delhi + Jaipur + Agra + Varanasi + Kathmandu > Preço Final Incluindo Taxas de Aeroporto

    1980€

    Índia e Nepal Express

    OPÇÃO 2 > Viagens Até 31 Março 2019 > Saídas às 3ª.s e 6ª.s Feiras de Lisboa e Porto > 12 Dias / 10 Noites > Delhi + Jaipur + Agra + Khajuraho + Varanasi + Kathmandu > Preço Final Incluindo Taxas de Aeroporto

    2140€

    Guia de Viagem:

    Informações de interesse



    O Nepal é um país asiático da região dos Himalaias. É limitado a norte pela China e a leste, sul e oeste pela Índia. É um país sem costa marítima. A sua capital é Catmandu. No país, se situa o Monte Everest, o ponto mais alto da terra, com 8 848, na fronteira norte com a China. O Nepal é um país pobre, situado na encosta da cordilheira dos Himalaias, no centro da Ásia. Tem uma das maiores densidades demográficas do continente, com 184 habitantes por quilómetro quadrado. A população nepalesa é composta por 12 etnias, que convivem harmoniosamente.
    • Capital: Kathmandu
    • Língua: Língua Nepali, nos sítios mais turísticos fala-se Inglês.
    • Religião: 80%Hindu, 10% Budismo o restante distribui-se por outras relegiões.
    • Habitantes: cerca de 27,8 milhões de habitantes(2013)
    • Superfície: 147.180 km2
    • Diferença horária: UTC + 5:45
    • Clima: É tropical húmido, de monção, nas áreas mais baixas. À medida que a altitude aumenta, as temperaturas vão descendo, passando dos andares de vegetação subtropical e temperada a um andar alpino (altas pastagens) e às áreas sempre geladas, onde o ar é extremamente rarefeito.
    • Passaporte: Com validade superior a 6 meses após a data de regresso.
    • Visto turístico: Visto obrigatório. Os cidadãos portugueses devem pedir uma autorização de entrada no país através da internet, com o preenchimento do formulário de autorização na página «www.online.nepalimmigration.gov.np», sendo simultaneamente necessário ter uma fotografia em formato digital tipo passe para fazer o upload no site no acto do preenchimento do formulário. Deve ainda obrigatóriamente, após a autorização, imprimir o documento final para apresentar como prova à entrada no Nepal. A autorização tem que ser solicitada entre os 15 e os 2 dias anteriores à chegada ao Nepal. O custo do visto é de $25 USD, pago localmente à entrada no país.
    • Passaporte: Validade mínima de 6 meses.
    • Embaixada: Não existem representações diplomáticas de Portugal no Nepal, de modo que os assuntos consulares são encaminhados à Embaixada de Portugal na Índia.
    • Alfândega: É proibido exportar antiguidades com mais de 100 anos.
    • Vacinas obrigatórias: Nenhuma vacina é obrigatória, excepto contra a febre-amarela para pessoas que tenham estado em um país infectado. Recomenda-se que tenha as seguintes Vacinas em dia: febre tifóide, hepatites A e B, meningites A e C, raiva (para longas estadias).
    • Gorjetas: Costuma-se deixar uma gorjeta de 10% nos hotéis e nos restaurantes.
    • Moeda: Rupia Nepalesa. (CNY): 1 euro = 110,952 NPR.
    • Cartões de crédito: Aceites em algumas lojas e Hóteis.
    • Conselhos Práticos: Uma carta de motorista internacional é válida no Nepal durante 15 dias, em seguida é necessária uma permissão local. De Outubro a Março, leve roupas de verão, uma malha, um casaco quente e calçados de caminhada. Para o resto do ano, prefira roupas bastante leves em fibra natural, uma blusa e um anorak. Para as trilhas, leve roupas bastante quentes.
    • Saúde: A rede sanitária é muito deficiente. Os cuidados médicos são caros, sendo normalmente exigido que o pagamento seja feito de imediato. É aconselhável a subscrição de um seguro de viagem que inclua situações de emergência, repatriamento para Portugal e resgate aéreo, se tencionar fazer montanhismo.Não se deve ingerir água que não seja engarrafada e selada e alimentos crus. Evite o gelo nas bebidas.
    • Alfândega: Autorizados para importação: 200 cigarros ou 50 charutos ou 250 gramas de tabaco; 1 litro de vinho e 1 litro de álcool.
    • Desporto: Alpinismo
    • Corrente Elétrica: 220V
    • Cultura: A cultura nepalesa é muito variada, reflectindo as diferentes origens étnicas do seu povo. Como 80% da população é hinduísta, a cultura nepalesa tem muitos costumes, crenças e tradições hindus.
    • Economia: País pobre com uma economia baseada na agricultura e no turismo. Cerca de 90% dos habitantes trabalham na agricultura, principalmente no cultivo do arroz.
    • Segurança: Regra geral o país é calmo, mas a instabilidade política leva a que qualquer manifestação partidária se possa degradar facilmente, sobretudo na capital Katmandu.
    • Geografia: É limitado a norte pelo Tibete, região autónoma da China e a leste, sul e oeste pela Índia. É um país sem costa marítima. No país, se situa o Monte Everest, o ponto mais alto da terra.
    • Localização: É um país asiático da região dos Himalaias.

    Cliente Final

    Agora pode eleger a Agência de Viagens que mais lhe satisfaça. Você decide qual a Agência de Viagens onde reservar a sua viagem Jade Travel. Indique o código postal, localidade ou nome da agência.

    Pesquisar Agência de Viagens Pesquisar Agência de Viagens

    Agentes de Viagens

    Acesso exclusivo para Agentes Viagens às reservas on-line da Jade Travel. Alertamos que nem todos os programas estão disponíveis para reservas on-line, pelo que devem consultar sempre as ofertas em 'pdf' de cada produto.